27.5.09

Jornalismo é liberdade

Todo jornalista gosta de liberdade e aventura. Descobrir histórias novas e divulga-lás para o maior número de pessoas. Estes são os atrativos da profissão. Outra pretenção dos profissionais é trabalhar num grande jornal de expressão mundial, como El pais.


O jornalista gaúcho Ricardo Cavalheiro, 31 anos, vivenciava a segunda pretenção que listei. Ele teve a oportunidade de trabalhar no Elpaís.com. Entretanto, Ricardo pediu demissão para se aventurar em uma nova missão. Fazer uma jornada em 16 países, durante 60 dias, no continente Africano. O jornalista escolheu o continente por causa da Copa do Mundo de Futebol de 2010, na Africa do Sul.

Em 2008, tive a oportunidade de participar do mesmo evento em que o jornalista estava presente. Na ocasião, ele recebeu um prêmio jornalístico por uma série de reportagem publicada no jornal Zero Hora, sobre a corrupção dos políciais argentinos nas rodovias que ligavam ao Brasil. Você pode acompanhar a aventura do jornalista no blog da viagem.

Nenhum comentário: