11.12.08

Ronaldo e o Corinthians

Só o anúncio da contratação do atacante Ronaldo deu uma imensa visibilidade ao Corinthians. Se o jogador não mostrar em campo tudo o que sabe, mesmo assim, o clube ganhará só com a presença do astro.

Outros clubes já utilizaram da mesma jogada de marketing. Exemplo foi a contratação do Beckham pelo Real Madrid. O clube fez um acordo que garantia 100% do valor da comercialização da camiseta do jogador. Só a venda das camisetas pagou o contrato milionário. A mesma coisa aconteceu com o Barcelona e o Ronaldinho Gaúcho.

Eu li uma matéria que falava que se o Corinthians vender 50 mil camisas do Ronaldo por R$ 100 cada, o clube garantiria R$ 5 milhões, o valor da contratação do jogador. É bem verdade que os times brasileiros não sabem utilizar as suas marcas para seu benefício. Podemos acrescentar a má administração e jogadores medíocres que permanecem no máximo um ano em cada equipe.

O São Paulo ganha disparado dos outros clubes brasileiros, com uma ótima estrutura que possibilita ao jogador estabilidade e toda assistência. A meu ver, a culpa pela carência de ídolos nos times brasileiros é a migração dos jogadores para a Europa. Tudo bem que é a lei é do mercado. Quem paga mais leva. Mas se os clubes investirem nos seus profissionais a receita crescerá proporcional ao investimento.

Nenhum comentário: