2.7.08

Chegou o fim do jornal impresso?


O Destino do Jornal é o livro do jornalista Lourival SantAnna. Repórter especial do Estadão, Louviral deu origem a sua obra depois de questionar o avanço da tecnologia com a rapidez do fluxo e consumo de informação. A obra foi o resultado do mestrado que cursou na Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP).


Temos a convicção que as novas tecnologias impactaram na produção jornais impressos. O livro faz entender o cenário de transição das mídias tradicionais.


Lourival procura analisar a questão a partir de três fatos estruturais: a concorrência cada vez mais acirrada do meio digital; a mudança nos hábitos de leitura, o que explica o consumo de informação dos jovens ser bem maior diante da tela do computador; e a inovação tecnológica, que permite uma interatividade a uma velocidade e custo absolutamente impossíveis no impresso.


O jornal para sobreviver terá que partir para a interpretação, análise e narração dos fatos que o leitor já soube no dia anterior pelo rádio, tv ou internet. Com isto, o jornal irá se aproximar da revista, com a vantagem de ser publicado diariamente. O texto terá de ser de ótima qualidade, sem ser chato, sisudo ou muito longo.


Nenhum comentário: